Forças Armadas têm 252 militares para apoiar o combate à pandemia e mais 5 mil para fazer as contas de apuramento da selecção no Euro

Mário Botequilha 21 de Junho de 2021

O nosso suplemento PÚBLICO informa hoje que a tropa pode invadir a Administração Regional de Saúde de Lisboa e Vale do Tejo para fazer emboscadas à Covid e assim. Mais: as Forças Armadas disponibilizaram recursos para uma tarefa ainda mais importante, a de fazer as contas do grupo da selecção nacional no Euro 2020. São cerca de 5 mil militares das tropas especiais, com autonomia de armamento, rações e calculadoras, que ficam ao dispor do Engenheiro.

Tópicos

Últimas

Do arquivo