Idosos de lares ilegais só podem votar antecipadamente no candidato presidencial falso

Vítor Elias 15 de Janeiro de 2021

Os idosos que vivam em lares ilegais estão excluídos da possibilidade de votarem antecipadamente nas eleições presidenciais, a não ser que pretendam votar em Eduardo Baptista, um candidato tão ilegal como os lares onde vivem. Os portugueses que tenham o Cartão de Cidadão caducado também só podem votar em Eduardo Baptista cuja candidatura há muto caducou, o que faz com que surja em segundo lugar nas intenções de voto na maioria das sondagens. Como Eduardo Baptista é militar, o adversário André Ventura recusa-se mandar-lhe bocas sobre o baton do cieiro.

Tópicos

Últimas

Do arquivo