EMEL rebocou a carrinha das vacinas e os carros-patrulha da PSP e GNR que a escoltavam

Vítor Elias 29 de Dezembro de 2020

Depois da PSP de Évora rebocar a carrinha que transportava as vacinas enquanto era escoltada pela GNR, a mesma dirigiu-se a Lisboa onde os desentendimentos jurisdicionais continuaram e a EMEL bloqueou e rebocou todos os veículos parados à porta dos hospitais, quer fossem camiões-frigoríficos, carros-patrulha ou o automóvel daqueles portugueses que estacionam nos lugares reservados dos hospitais porque só estão ali um minutinho para esperar a sogra. De referir que o andarilho da referida sogra também foi rebocado pela EMEL.

Tópicos

Últimas

Do arquivo