Máscaras obrigatórias nas ruas das aldeias quando os dois únicos habitantes se cruzarem

Vítor Elias 14 de Outubro de 2020

O estado de calamidade decretado por António Costa inclui a proposta do uso obrigatório de máscara comunitária na via pública quando houver outras pessoas na via, pelo que nas aldeias do interior maioritariamente ocupadas por um ou dois habitantes uso de máscara assustadora de madeira é obrigatório quando ambos se cruzem na rua ao mesmo tempo. Nas aldeias em que já só vive um habitante o uso de máscara é obrigatório caso ele se esteja demasiadamente próximo da sua sombra.

Tópicos

Últimas

Do arquivo