Sismo no Alentejo foi causado pela reacção dos militantes do PCP ao saberem das limitações da Festa do Avante!

Mário Botequilha 31 de Agosto de 2020

Às 14H25, pouco depois da Dra. Graça Freitas ter dado a sua 381.ª conferência de imprensa, o IPMA e o IP registaram um sismo de 2.4 na escala de Richter, em Moura e Serpa. Uma investigação mais aturada do IP (telefonámos a Marques Mendes) concluiu que o abalo foi provocado por milhares de fortes porradas em paredes, no chão e em enchidos de porco preto, por parte de comunistas ferrenhos alentejanos ao saberem que a DGS limitou a lotação da Festa do Avante! a Jerónimo de Sousa e mais três pessoas amigas.

Tópicos

Últimas

Do arquivo