Greta Thunberg regressou às aulas e gastou o milhão de euros da Gulbenkian em manuais escolares

Vítor Elias 26 de Agosto de 2020

Greta Thunberg anunciou que regressou finalmente à escola e, devido aos preços cada vez mais onerosos dos manuais escolares, já estoirou o milhão de euros que recebeu da Fundação Gulbenkian nos livros, dois compassos, uma flauta daquelas que não se vendem no chinês e o resto em senhas pré-compradas para os almoços no refeitório. Greta Thunberg pediu mais 200 mil euros à Fundação Soares porque ainda precisa de comprar um estojo com 250 canetas de cor e o enigmático “papel manteiga”.

Tópicos

Últimas

Do arquivo