Rui Rio acha que Novo Banco vendeu a ‘casa’ da Cristina Ferreira a fundo das Ilhas Caimão

Vítor Elias 28 de Julho de 2020

Rui Rio disse hoje que sempre desconfiou que existia marosca no Novo Banco e que aposta como uma das casas a preço da uva mijona que o banco vendeu a um fundo de investimento das Ilhas Caimão foi a famosa “casa” da sua odiada Cristina Ferreira, apenas mais um dos “negócios pornográficos” que o líder do PSD imputa àquela que apelida de “a Kissinger da Malveira”. Rui Rio defende ainda que os magistrados públicos devem fazer o seu serviço e depois serem todos despedidos.

Tópicos

Últimas

Do arquivo