Lisboeta partiu a cabeça após confundir rua pintada de azul com uma piscina

Vítor Elias 17 de Julho de 2020

Um lisboeta sofreu hoje um traumatismo craniano após ver uma das ruas da cidade pintadas de azul pelo Fernando Medina e, confundindo-a com uma piscina, decidiu mergulhar de cabeça. Outro lisboeta partiu os dentes após tentar mergulhar de chapão e a EMEL bloqueou e rebocou diversos flamingos gigantes insufláveis que estavam indevidamente estacionados no meio da rua.

Tópicos

Últimas

Do arquivo