Mário Nogueira exige que professores da Telescola sejam vistos em ecrãs de plasma Ultra HD

Vítor Elias 9 de Abril de 2020

Mário Nogueira manifestou-se hoje em defesa dos professores da Telescola, rejeitando que sejam vistos em televisores de quatro ou cinco pixéis comprados em segunda mão nos tempos da “troika”. O líder da Fenprof exige que os professores da Telescola sejam transmitidos apenas em Ultra HD Smart TV e vistos em ecrãs curvos de 98 polegadas, cumprindo-se assim Abril, quando o preâmbulo da Constituição determinou em 1975 que o ensino da Telescola devia ser universal e tendencialmente a cores.

Últimas

Do arquivo