Dinheiro dos contribuintes poderá estar infectado com coronavírus e terá de ficar em quarentena no cofre-forte de Centeno

João Henrique 14 de Março de 2020

O coronavírus acabou com os apertos de mão, fez cancelar viagens, mas uma das formas de contágio de risco mais elevado tem sido ignorada pelos técnicos de saúde. O ministro das Finanças decidiu agora tomar as rédeas do assunto. “Andam vocês preocupados com as maçanetas das portas e a espirrar e a tossir para a parte interior da articulação do cotovelo. E o dinheiro, pá? Que anda nas mãos de todas as pessoas? Estamos a chegar à fase da mitigação. Todos os portugueses têm até hoje à meia-noite para entregar todo o seu dinheiro na entrada do meu ministério. Isto vai ser tudo desinfectadinho e colocado de quarentena no meu cofre-forte. Fica lá a repousar. Depois numa segunda fase vai para o departamento das cativações. Depois de pagar todos os prejuízos financeiros da crise do coronavírus, caso sobre algum, o dinheiro será devolvido aos portugueses. Não vai ser o coronavírus a atrapalhar o meu excedente orçamental”, garantiu Centeno.

SIGA-NOS NO INSTAGRAM

Tópicos

Últimas

Do arquivo