Prioridades: votação sobre eutanásia foi adiada para que o Parlamento volte a debater a linha circular do metro de Lisboa

Mário Botequilha 19 de Fevereiro de 2020

Foi o tema do Orçamento do Estado, voltou ontem à gritaria parlamentar e a linha circular do metropolitano de Lisboa estará novamente na ordem do dia, amanhã, em vez do debate sobre a despenalização da eutanásia. Os cartazes “não matem os velhinhos” podem regressar à arrecadação porque, para os deputados, a expansão do metro da capital é o tema mais importante do país desde que D. Afonso Henriques embirrou com a mãe.

Tópicos

Últimas

Do arquivo