Traficantes contra plano de Medina não sabem como vão transportar a droga falsa para a Rua Augusta

João Henrique 14 de Fevereiro de 2020

A proposta de reconfiguração da Baixa de Lisboa está a ser arrasada pelas forças vivas da cidade. A nova Zona de Emissões Reduzidas Avenida Baixa Chiado poderá criar novos problemas logísticos aos delegados comerciais do sector dos falsos estupefacientes da Rua Augusta. “Não pode valer tudo. Tudo bem combater a poluição, mas há limites. Querem acabar com o nosso negócio. Como é que vamos conseguir transportar os analgésicos, o chá de malvas e o louro? Levamos o material a pé? Vamos de Metro? É que é muita droga falsa, isto é muito pesado. Fazemos o quê? Alugamos um tuk-tuk e ficamos à espera de ter sorte naquele dia e ser um dos 104 sorteados dos 700 e tal? Estamos à espera que o Medina marque uma reunião connosco para negociar isto. Nós assim vamos falir, o produto vai acabar nas ruas e os turistas vão começar a reclamar. Pior, vão começar a comprar droga verdadeira! Não pode ser”, lamentou um traficante.

Foto: Manuel Almeida/LUSA

SIGA-NOS NO INSTAGRAM

Tópicos

Últimas

Do arquivo