Rui Rio que nem aquece nem arrefece congratula a morna por ser considerada Património Imaterial da Humanidade

Vítor Elias 12 de Dezembro de 2019

A morna cabo-verdiana foi esta tarde reconhecida oficialmente como Património Imaterial da Humanidade da UNESCO e Rui Rio, que é mais morno do que qualquer canção da Cesária Évora, deu imediatamente os parabéns aos nossos irmãos cabo-verdianos numa declaração sensaborona que já ninguém recorda. Rui Rio estava contente com a distinção, mas não eufórico, afirmando que gosta da morna, mas não adora. Rui Rio aproveitou ainda para mandar um abraço bastante formal e pouco efusivo ao Governo de Cabo-Verde.

Tópicos

Últimas

Do arquivo