Multa de 225 milhões: contribuintes lembram que a banca ainda lhes deve mais 17 mil milhões que lá enterraram

Mário Botequilha 10 de Setembro de 2019

Foi aplicada uma coima histórica de 225 milhões à banca, pela Autoridade da Concorrência, devido a práticas de alegada sacanice concertada em prejuízo dos clientes. Os clientes exigem agora que a banca lhes devolva aquilo que ficaram a perder por, afinal, não viverem numa verdadeira economia de mercado e os contribuintes querem de volta os 17 mil milhões, os rins, as córneas e os filhos, para fabricarem material desportivo nas garagens dos bancos, que lá deixaram.

Tópicos

Últimas

Do arquivo