Transparência total em Belém: Marcelo proíbe-se a si próprio de tirar selfies com familiares

Mário Botequilha 12 de Abril de 2019

O Presidente da República, ontem, durante a reunião semanal em que come percebes com o Primeiro-ministro, entregou a António Costa o texto da alteração à lei das nomeações políticas. Marcelo proibiu-se a si próprio de nomear familiares para o Palácio de Belém, de tirar selfies com parentes até ao sexto grau e de beber bagaço em lares com tias-avós. Cavaco Silva, em reacção imediata, declarou ao INIMIGO que Marcelo teria de nascer 10 vezes para ser tão sério como ele a nomear a cunhada para assessora da mulher.

Tópicos

Últimas

Do arquivo