Centeno alerta: “investimento não é como o ‘Anita vai às compras’. É mais como o ‘Noddy no País dos Brinquedos’”

Mário Botequilha 2 de Abril de 2019

O Ministro das Finanças, hoje em entrevista ao nosso suplemento de economia e policiário PÚBLICO, saiu-se com a grande frase política da legislatura e com a metáfora mais refinada do pensamento macroeconómico desde “não há dinheiro, não há palhaços”. Centeno avisou que o “investimento não é como o ‘Anita vai às compras’, não vamos com o Pantufa, com um cesto, comprar investimento”. Ao invés, o presidente do Eurogrupo entende que “o investimento é mais como o ‘Noddy no País dos Brinquedos’, tal como a dívida pública é tal e qual o ‘Saw’ ou a nossa banca é irmã gémea separada à nascença de ‘Holocausto canibal’”.

Tópicos

Últimas

Do arquivo