Igualdade: Governo não explica porque Vieira da Silva recebe ordenado e a filha, que também é ministra, recebe mesada

Mário Botequilha 21 de Fevereiro de 2019

Entrou hoje em vigor a lei da igualdade salarial. A primeira entidade que teve de justificar a diferença de salários entre homens e mulheres, que ocupam a mesma função, foi o próprio Governo. António Costa não conseguiu dizer por que motivo o ministro Vieira da Silva tem um ordenado e a sua filha Mariana, que também passou a ser ministra, tem a designação “mesada” no recibo de vencimento. “Queremos evitar acusações de nepotismo e vamos ver o que se passa. Já pedi ao ministro Eduardo Cabrita e à esposa, a ministra Ana Paula Vitorino, para tentarem perceber a que se deve isto”, declarou o PM.

Tópicos

Últimas

Do arquivo