Superdragão Fernando Madureira confrontou Donald Trump durante o discurso do Estado da Nação

Mário Botequilha 6 de Fevereiro de 2019

Não correu bem o discurso do Estado da Nação que o homem cor-de-laranja fez, esta madrugada, no Congresso norte-americano. Quando Trump estava a ameaçar encomendar o muro na fronteira com o México ao genro de Jerónimo de Sousa, uma falha na segurança permitiu a Fernando Madureira, o conhecido “Macaco” dos Superdragões, chegar junto do presidente dos EUA e dizer-lhe “pira-te mas é, põe-te a andar, pá”, tal e qual como fez ao antigo assessor de alegadas toupeiras do Benfica, Paulo Gonçalves, há dias, no Porto. Contactado pelo INIMIGO, enquanto era levado por 20 agentes dos Serviços Secretos, Madureira explicou apenas que “disse a Donald Trump que ele e o dono Vladimir deviam estar no Linhó a comer da marmita”.

Tópicos

Últimas

Do arquivo