Dispararam filhos de pais incógnitos porque entre a Juve Leo e o IRA quase todos os homens passaram a andar encapuzados

Vítor Elias 19 de Novembro de 2018

Portugal não tinha tantos filhos de pais incógnitos desde 1998 porque as mães portuguesas deixaram de reconhecer com que dormiram, uma vez que metade dos homens passaram a andar encapuzados pelas mais variadas razões, desde o amor aos gatos e cães ao amor a Bruno de Carvalho. Os militantes do IRA resgataram ontem mesmo uma ninhada de cachorros filhos de um rafeiro incógnito.

Tópicos

Últimas

Do arquivo