D. Dolores pediu à Marinha para juntar a nora Georgina à corveta que afundou ao largo da Madeira

Mário Botequilha 5 de Setembro de 2018

A Marinha afundou uma corveta ao largo da Madeira, para servir de vivenda geminada à bicharada, mas a explosão teve de ser adiada durante meia-hora, o tempo necessário para a mãe de Cristiano Ronaldo dar tréguas ao Estado-Maior da Armada e desistir de um plano que lhe passou pela cabeça. D. Dolores queria afundar a nora com a corveta, tal como foi sugerido por uma das suas seguidoras no Instagram, num post que a mãe de Portugal encheu de likes, corações e dedos a fazer sinal de fixe.

Tópicos

Últimas

Do arquivo