ASAE apreende cópias contrafeitas do podcast de Daniel Oliveira “Perguntar não ofende” com o título “Ainda bem que me faz essa pergunta”

Mário Botequilha 12 de Julho de 2018

O comentador Daniel Oliveira esteve ontem na nova sede da NATO, em Bruxelas, em cujos sete primeiros pisos funciona a ASAE portuguesa, para colaborar no inquérito ao intricado esquema norte-coreano de contrafacção do seu podcast “perguntar não ofende”. A ASAE apreendeu cópias contrafeitas com títulos como “Ainda bem que me faz essa pergunta”, “Júlio Isidro, ouve isto e aprende como se faz“, “Não digam à minha mãe que tenho um podcast, ela pensa que eu sou pianista num bordel” ou “Fora Bruno”. Oliveira não quis falar com o IP porque ficou ofendido com as nossas perguntas.

Tópicos

Últimas

Do arquivo