Subsídios para as artes foram todos entregues ao Salvador Sobral

Vítor Elias 6 de Abril de 2018

Está explicado o imbróglio com os subsídios às artes. O dinheiro está lá porque Mário Centeno cumpriu o défice e ganhou uma raspadinha pé-de-meia, mas o único artista que importa hoje em dia é o Salvador Sobral e por isso vai ficar com todos os subsídios e os que sobrarem vão ser entregues ao Cristiano Ronaldo porque o pontapé de bicicleta é uma obra-de-arte. As pataniscas com arroz de grelos da Mãe Dolores também vai merecer um subsídio e uma candidatura a Património Imaterial da Humanidade da UNESCU.

Tópicos

Últimas

Do arquivo