Marcelo foi levado por arrasto por buscas da PJ em IPSS que estava a visitar

Mário Botequilha 2 de Março de 2018

Já há poucas IPSS que não tenham sido alvo de buscas judiciais e Marcelo percebeu isso, esta manhã, ao visitar uma instituição que se dedica a aumentar o plafond dos cartões de crédito dos seus directores. Quando o presidente estava a visitar a secção de contabilidade criativa, apareceu uma brigada do Ministério Público, PJ e Ana Leal da TVI, apoiada por binómios homem-cão e homem-iguana e mulher-homem. Em nota à imprensa, a PGR confirma as diligências e que “foram apreendidos computadores, telemóveis, vasta documentação, 300 kg de camarão-tigre de Madagáscar, um presidente da república, um maço de notas com a etiqueta ‘para o Carlos pagar a prestação do BM’ e uma mota de água da marca David Hasselhoff V-Turbo”.

Tópicos

Últimas

Do arquivo