Mulheres sauditas autorizadas a ver jogos de futebol mas só se forem acompanhadas pelo juiz Neto de Moura

Mário Botequilha 30 de Outubro de 2017

É a liberdade total, o deboche, a pura da loucura. Depois de permitir mulheres ao volante de automóveis, a Arábia Saudita também decidiu autorizá-las a verem jogos de futebol, apenas em três estádios do país e só a partir do ano que vem. E há outro asterisco: as mulheres que forem aos estádios terão de ter supervisão constante do juiz Neto de Moura, que os sauditas consideram a pessoa mais habilitada no mundo inteiro para mantê-las sob rédea curta e lapidar as eventuais adúlteras que coloquem em causa a dignidade dos maridos logo na pista de tartan.

Tópicos

Últimas

Do arquivo