Juiz Neto de Moura solicita barreiras de betão anti-adúlteras em frente à Relação do Porto

Mário Botequilha 26 de Outubro de 2017

Os juízes Neto de Moura e Maria Luísa Arantes temem um ataque, ao estilo praga do Antigo Testamento, de mulheres adúlteras e solicitaram à câmara do Porto a colocação de barreiras de betão anti-megeras em frente ao edifício do Tribunal da Relação. Pelo sim, pelo não, os dois magistrados renovaram o stock de Bíblias, crucifixos, garrafões de água benta, estacas de madeira, mocas com pregos e balas de prata, as únicas formas conhecidas pela exegese bíblica de limpar o sebo às promiscuas falsas traidoras porcas atentatórias da dignidade dos maridos.

Tópicos

Últimas

Do arquivo