Sócrates terá recebido 8 milhões para impedir venda de participação da PT na Vivo mas não cobrou nada pela venda do país à Troika

Mário Botequilha 5 de Setembro de 2017

O Correio da Manhã noticia hoje que o Grupo Espírito Santo terá alegadamente pago oito milhões de euros a José Sócrates para ele impedir a venda da participação da PT na empresa brasileira Vivo. O INIMIGO falou com o youtuber Sócrates, que negou a acusação, e que salientou que até trabalhou de graça num outro negócio ruinoso, o da venda de Portugal à Troika. “Foi uma venda ao desbarato mas foi de graça. Não cobrei nada além do meu ordenado de melhor PM da história de Portugal”, explicou o antigo recluso 44.

Tópicos

Últimas

Do arquivo