Arquitecto Saraiva desiludido porque o livro ‘Carlos Alexandre, o Juiz’ não revela com quem ele dorme

Vítor Elias 7 de Junho de 2017

Está nas bancas “Carlos Alexandre, o Juiz” e o arquitecto José António Saraiva já se dirigiu à Feira do Livro de Lisboa para o comprar. Assim à primeira vista, numa leitura na diagonal, o arquitecto não descortinou nenhuma cena de sexo ou sequer a frase “morder a fronha”, pelo que está bastante desiludido com o livro e vai tentar devolve-lo dizendo que era uma prenda de anos e o aniversariante já tinha uma cópia, aproveitando para fazer o mesmo com os exemplares de “Os Irmãos Karamazov” porque afinal nenhum deles comete incesto.

Tópicos

Últimas

Do arquivo