Transição na administração da Caixa está a ser assegurada por um polícia sinaleiro

Mário Botequilha 3 de Janeiro de 2017

António Domingues foi-se embora, Paulo Macedo ainda vai a caminho e a administração da CGD corria o risco de ficar deserta. “Contactei Ricardo Salgado mas o Banco de Portugal não o deixa ir para lá. Não sei porquê mas implicaram com o homem. Fomos buscar um polícia sinaleiro porque orientar tráfego automóvel ou trânsito de capitais é quase a mesma coisa”, ri-se Centeno.

Tópicos

Últimas

Do arquivo