Editora cancelou apresentação do livro de Saraiva por ter informações de que só estariam presentes masturbadores compulsivos

Mário Botequilha 21 de Setembro de 2016

A editora do livro do arquitecto Saraiva decidiu cancelar o lançamento da obra porque recebeu informações de que a plateia estaria repleta de exibicionistas com gabardines, masturbadores compulsivos e outros tipos de fãs saraivianos, como os que emolduraram a sua célebre crónica sobre tesouras das unhas publicada há poucos anos no Sol.

Tópicos

Últimas

Do arquivo