Passos Coelho não vai à inauguração de Renato Sanches no Bayern de Munique

Mário Botequilha 10 de Maio de 2016

O ainda presidente do PSD recusou o convite para a inauguração de Renato Sanches no Bayern. Passos Coelho lembrou que “nunca inaugurei a Ponte da Foz do Rio Dão, nem o Parque Tecnológico de Óbidos, nem o Museu dos Descobrimentos, nem o Centro Escolar Viseu Norte e o Centro Escolar de Rio de Loba, nem um bloco de rega do Alqueva, nem a sede da Polícia Judiciária, nem a fábrica da Sicasal, nem um hotel em Penela, nem o quartel de Estremoz da GNR, nem a Porto Business School, nem o Museu dos Coches, nem uma escola de Lordelo que já funcionava há três anos e por isso não irei pôr-me em bicos de pés e inaugurar o Dr. Renato Sanches em Munique. Quero apenas dizer que, se eu fosse PM, o Benfica teria transferido o Dr. Renato Sanches por 800 milhões de euros pagos a pronto e os alemães ainda mandavam o Muller e o Lewandowski para a Luz.”

Tópicos

Últimas

Do arquivo