Mario Draghi veio a Portugal, viu um ministro ameaçar jornalistas com violência física, o primeiro-ministro não reagir, o mesmo ministro demitir-se e voltou a Frankfurt muito bem impressionado

Vítor Elias 8 de Abril de 2016

Mario Draghi veio assistir ao primeiro Conselho de Estado de Marcelo e ficou impressionado com a vida política nacional e a sua respectiva elevação e estabilidade. “Esperava uma situação parecida à grega, mas nada me preparou para o que vi. Digamos que, como diz o provérbio chinês, vivi tempos interessantes. Aliás, acho que nunca vi tanta coisa acontecer em 24 horas desde ‘A Ressaca’”, explicou o governador do BCE que já marcou um almoço com Angela Merkel para falar sobre a visita.

Tópicos

Últimas

Do arquivo