PSD e CDS-PP propõe voto de condenação a Angola por Isabel dos Santos não controlar suficientes empresas portuguesas

Vítor Elias 1 de Abril de 2016

O PSD, CDS-PP e PCP recusaram-se a apoiar um voto de condenação do Parlamento a Luanda devido à prisão dos activistas, mas propuseram, hoje, um voto de pesar pela pouca influência que Isabel dos Santos tem nas empresas nacionais. Luís Montenegro, em nome do PSD, lamentou que Isabel dos Santos não mande na CGD, enquanto o CDS-PP lamentou que Luaty Beirão não seja funcionário da Carris privada controlada pela empresária angolana. O PCP lamenta que Isabel dos Santos não compre a Quinta da Atalaia.

Tópicos

Últimas

Do arquivo