Pedro Arroja espera que Paulo Portas não seja sucedido na liderança do CDS-PP pela esganiçada da Assunção Cristas

Vítor Elias 29 de Dezembro de 2015

Pedro Arroja já sabe que Paulo Portas vai abandonar a direcção do CDS-PP e espera que o nome mais falado pelos jornais para o substituir, Assunção Cristas, não avance. Arroja teme que uma esganiçada que ele não quer nem dada o deixe órfão de representação política, preferindo o Nuno Melo que tem voz de barítono e cabelos de alfa-macho. VE

Tópicos

Últimas

Do arquivo