Comerciantes de Albufeira invocam lei da calamidade pública devido à visita do ministro Calvão

Mário Botequilha 3 de Novembro de 2015

O ministro Calvão acha que a lei da calamidade pública “não é para qualquer coisinha” e tem razão. Os comerciantes de Albufeira consideraram a visita do titular da administração interna uma calamidade ainda maior do que as cheias e invocaram esta figura legal. “Fui calvanizado e preciso de ajuda”, queixa-se a proprietária de um snack-bar por onde Calvão passou. MB

Tópicos

Últimas

Do arquivo