‘Pai sem nome’ invade comício do PS e queixa-se porque o Governo obrigou os seus filhos a saírem da Quinta da Marinha

Vítor Elias 2 de Outubro de 2015

Depois da mãe sem nome chamada Mabel que invadiu um comício para queixar-se que o Governo obrigou o seu filho a viver na China, casar em Portugal, divertir-se até às 5h00 da madrugada e voltar para a China, um pai sem nome invadiu hoje um comício do PS. “Venho falar-vos de sofrimento”, disse o homem sem nome. “Por causa deste Governo, os meus filhos tiveram que sair da Quinta da Marinha. Foram para o Estoril. Isto é vida?!”, questionou, comovido. VE

Tópicos

Últimas

Do arquivo