Venda do Novo Banco adiada para uma altura em que não dê prejuízo a ninguém nas eleições

Mário Botequilha 11 de Setembro de 2015

A venda do Novo Banco foi adiada. O governador Costa percebeu que o assunto ia dar barraca até dia 4 e pediu aos chineses para irem à vida deles e regressarem no dia 5 pela fresquinha. O prejuízo do negócio, neste momento, seria muito elevado, em especial nas sondagens da coligação e na imagem de Passos como o maior génio da finança desde Camilo Lourenço. MB

Tópicos

Últimas

Do arquivo