José Sócrates não sabe por quem torcer em casa no Portugal-França porque já viveu nos dois países

Vítor Elias 4 de Setembro de 2015

José Sócrates saiu da cadeia mesmo a tempo de ver o Portugal-França mas o seu coração balança entre as duas selecções. “Fui feliz em Portugal e fui feliz em Paris, sinto-me dividido”, explicou o ex-presidiário. “Acho que vou torcer pelo árbitro. Sempre fui muito amigo de árbitros e pessoas que arbitram coisas, como o presidente do Supremo Tribunal de Justiça e o Procurador-Geral da República”. VE

Tópicos

Últimas

Do arquivo