Metro de Lisboa e Eurogrupo decidem que a ‘greve’ de hoje passa a ser denominada por ‘brunch’

Vítor Elias 24 de Fevereiro de 2015

A greve do Metro de hoje não é greve. O IP sabe que a CGTP chegou a um pré-acordo com o Eurogrupo e, em troca de mais subsídios de assiduidade por quatro meses, os motoristas e funcionários do Metropolitano de Lisboa passam a chamar “brunch” à “greve” e “scone” a Arménio Carlos. “Espero que os sindicalistas do Metro apenas protestem agora durante a ‘mini-maratona’ do 1º de Maio”, explicou Jeroen Dijsselbloem. VE

Tópicos

Últimas

Do arquivo