Câmara de Lisboa perdoa 1,8 milhões de euros ao Benfica e para compensar sportinguistas e portistas vão ter de pagar taxa para circular a pé em Lisboa

António Marques 16 de Fevereiro de 2015

A Câmara Municipal de Lisboa anunciou por intermédio do Barbas, vereador do pelouro do Glorioso, a isenção ao Benfica do pagamento de taxas urbanísticas de 1,8 milhões de euros por intervenções a realizar junto ao Estádio da Luz, o que gerou críticas da oposição. Porém, o benfiquista António Costa garante que os cofres da autarquia não sofrerão um rombo, dado que os 1,8 milhões de euros serão obtidos através de uma taxa diária de 1 euro que os adeptos do Sporting e do FC Porto terão de pagar para poderem circular a pé em Lisboa: “O Miguel Sousa Tavares e o Eduardo Barroso usufruíam do luxo de andar de forma gratuita numa bela cidade benfiquista! Essa é que era boa, acabou a mama!“, diz António Costa. A.M

Tópicos

Últimas

Do arquivo