Contabilista diz que Ricardo Salgado mandou-o fugir para um país sem acordo de extradição com Portugal, para o governo ou ser presidente de um clube de futebol

Mário Botequilha 13 de Janeiro de 2015

“Ó Francisco, agora vais ter de sair daqui, vais para o Brasil ou para a Bolívia”, terá dito Ricardo Salgado ao antigo comissaire aux comptes da Espírito Santo Internacional.

Foi o que Francisco Machado da Cruz disse aos deputados da comissão de inquérito ao BES, acrescentando, sabem O INIMIGO PÚBLICO e Gustavo Santos, que “tu também podias ir para secretário de estado ou fazer qualquer coisa no governo. Tu gostas de bola, Francisco? Ias para presidente de um clube. Enquanto estiveres num cargo político ou de bola, ninguém te toca, Francisco. Mas, quando fores corrido, evita as mangas de avião, está certo, Francisco? Dá cá o cartão do estacionamento para eu carimbar e fecha a porta antes de saíres, Francisco.” MB

Tópicos

Últimas

Do arquivo