Cristiano Ronaldo gritou de raiva ao saber que conterrâneo Alberto João Jardim abandonou o poder

Vítor Elias 13 de Janeiro de 2015

A Bola de Ouro de ontem que Cristiano Ronaldo recebeu foi assombrada pela simultânea demissão de Alberto João Jardim. Cristiano Ronaldo não aguentou a mágoa e soltou um urro de dor pela perda do grande timoneiro madeirense, sem o qual Cristiano Ronaldo teria jogado toda a vida no Beira-Mar. Ou isso ou Cristiano Ronaldo, qual Tarzan, estava a pedir à Irina que viesse até à gala de liana em liana. VE

Tópicos

Últimas

Do arquivo