Marinho Pinto contra classificação do cante alentejano porque homens de bigode a cantar agarrados uns aos outros lembram-lhe o Freddie Mercury

Mário Botequilha 29 de Outubro de 2014

O caminho do cante alentejano para ser património de todos os esquimós, suecas e guardas-florestais da Sibéria continua a ser amplamente debatido em Portugal. Marinho Pinto telefonou ao António do INIMIGO PÚBLICO para explicar que é contra. “Não está certo. Um grupo de homens matulões com bigode, todos agarrados uns aos outros a cantar, com franqueza, lembra-me o Freddie Mercury. Porque é não fazem cantigas e coreografias como aquele, o António Variações? Esse sim, era um homem com H maiúsculo, até porque tinha barba, ora chiça”, indigna-se Marinho. MB

Tópicos

Últimas

Do arquivo