Passos Coelho vai ser preso se insultar os funcionários do Fisco por não conseguirem arrecadar mais 947 milhões de euros em 2015

Vítor Elias 17 de Outubro de 2014

Os portugueses que insultarem os funcionários da DGCI passam a incorrer numa pena de prisão, mas um dos putativos prejudicados será o próprio primeiro-ministro. “Sim, admito, se os funcionários do Fisco não se conseguirem abarbatar aos 947 milhões que permitem baixar o IRS e reeleger-me, eu nem sei o que faço a esses c… de m… desses filhos de uma grandíssima p…”, explicou Passos Coelho. “Ainda bem que o Moedas já está em Estrasburgo, porque senão cumpríamos os dois prisão perpétua na mesma cela”, concluiu. VE

Tópicos

Últimas

Do arquivo