Adolescentes que se embebedam com shots temem que a Rússia corte o fornecimento de vodka à Europa

Vítor Elias 25 de Junho de 2014

A UE está em pânico com a possibilidade de a Rússia cortar o fornecimento de gás à Europa no próximo Inverno, mas os jovens portugueses que se enfrascam em Santos-o-Velho e na 24 de Julho com shots atrás de shots temem uma catástrofe ainda maior.

“E, tipo, se os russos cortarem o fornecimento de vodka à Europa. Como é, meu?”, perguntou um adolescente de 13 anos que gosta mais de TGV do que o José Sócrates. “O TGV, o B52, o Kalashnikov, todos levam vodka, até os mais fortes, como o Bruno de Carvalho, que leva vodka e gasolina. Se nos cortam o vodka, temos de beber vinho e demorarmos quase meia-hora a ficarmos inconscientes. Onde o mundo chegou?!”. VE

Tópicos

Últimas

Do arquivo