Governo diz a funcionários públicos que podem ter 365 dias de férias por ano se saírem do Estado

Vítor Elias 19 de Maio de 2014

O diploma que reduz as férias dos funcionários públicos de 25 dias por ano para 22 dias já está em Belém para ser promulgado, mas Passos Coelho, em declarações ao IP, aconselhou os funcionários públicos que queiram ter muitas férias a abandonarem o Estado. “Podem ter 365 dias de férias por ano, todos os dias poderão ser passados na praia, até podem ser que encontrem lá algum emprego a vender bolas de Berlim”, explicou o primeiro-ministro. “Ou sigam os conselhos do Cavaco Silva, saiam do Estado e vão para a China. Parece que o Cavaco conseguiu emprego para todos os portugueses lá”, concluiu. VE

Tópicos

Últimas

Do arquivo