Governo quer vender os direitos da obra de José Saramago a uma editora chinesa

Vítor Elias 23 de Janeiro de 2014

A família de José Saramago não renovou o contrato que tinha com Leya e portanto os direitos de autor da obra do Nobel da Literatura estão no mercado.

Assim sendo, o Governo vai mover todas as influências para que a obra de Saramago seja comprada, a preço muito acima do mercado, por alguma editora estatal chinesa, como a China Three Writers. Outra opção é colocar os direitos da obra no mercado bolsista e vender 30% deles à Goldman Sachs. “Eu sempre gostei muito do romance ‘O Ano da Morte do Ricardo Quaresma'”, confirmou José Luís Arnaut. VE

Tópicos

Últimas

Do arquivo