Restaurante da Mealhada explica cobrança a mais a militantes do CDS com uma ‘taxa dos submarinos’

Mário Botequilha 14 de Janeiro de 2014

Alguns delegados algarvios ao congresso do CDS denunciaram um restaurante da Mealhada que carregou na conta depois de saber que estava a servir apoiantes do governo.

O dono do estabelecimento terá mesmo dito que toda aquela gente era ‘desse governo que nos rouba, então para me defender eu também os roubo a vocês’. Na factura, a que o INIMIGO e a Tele-culinária tiveram acesso, o dono do restaurante, depois do pão, bebidas e leitão, acrescentou uma ‘taxa dos submarinos’ e uma alegada ‘taxa do endrominanço irrevogável’. Paulo Portas aguarda instruções de Pires de Lima sobre o assunto. MB

Tópicos

Últimas

Do arquivo