‘Drone’ da PSP vai sobrevoar sozinho as escadarias do Parlamento

Vítor Elias 11 de Dezembro de 2013

A PSP comprou dois “drones” não-tripulados.

Ao que o IP apurou, um dos “drones” é frontalmente contra o Governo e portanto vai sobrevoar as escadarias do Parlamento, só para mostrar que, se quisesse, poderia estoirar com todos os deputados da Coligação, enquanto o segundo “drone” vai fingir que tenta impedi-lo de sobrevoar o Parlamento. O ministro Miguel Macedo vai exigir a demissão imediata dos pilotos até perceber que os “drones” não têm pilotos, altura em que nomeia dois pilotos saídos da Universidade de Verão do PSD e dos Centro de Estudos Políticos da Universidade Católica. Já a CGTP vai exigir que os pilotos dos “drones”, mesmo não existindo, tenham um aumento se salário acima do valor da inflação. VE

Tópicos

Últimas

Do arquivo