António José Seguro processa Santa Casa por estar viciado em Eurobonds

Vítor Elias 30 de Outubro de 2013

Uma mulher processou a Santa Casa por estar viciada na “Raspadinha” e, de imediato, um perturbado António José Seguro seguiu-lhe o exemplo, processando a instituição caridade por estar viciado em Eurobonds.

“Não resisto. Eu quero que os alemães imitam dívida a juros negativos, eu chego lá, raspo-a e, violá, ganho o prémio, passa a ser automaticamente dívida portuguesa”, explicou o secretário-geral do PS, que também se confessou viciado em mutualização da dívida e em bacalhau à Zé do Pipo. VE

Tópicos

Últimas

Do arquivo