Conta que Portas abriu em banco alemão é um PPR Submarino

Mário Botequilha 6 de Setembro de 2013

Segundo o Correio da Manhã de hoje, Paulo Portas colocou as poupanças no Deutsche Bank, um banco protegido pela legislação alemã da eventual bancarrota portuguesa.

O INIMIGO PÚBLICO, dois contabilistas e oito nadadores-salvadores apuraram que o produto financeiro contratado pelo vice de Passos é um PPR Submarino, uma poupança-reforma com remunerações indexadas ao sobe e desce do complexo industrial-militar e da metalo-mecânica pesada democrata-cristã. MB

Tópicos

Últimas

Do arquivo